sobre áreas que são território de ninguem, terra do nada, onde a poeira assenta e ninguem reinvindica posse

isso existe em todo canto. quer um exemplo? a copa do trabalho.

lá ninguem enxuga a pia quando usa, deixa migalhas no chão, não limpa o microondas quando espirra molho, só pra dar uns poucos exemplos.

esse território tambem existe numa obra.

é o tipo de serviço que voce pede e o pedreiro diz: isso não é comigo é com o azulejista.

voce pede para o eletricista e ele diz: primeiro o encanador tem que fazer a parte dele.

e voce pede para o pintor e ele diz que ali é coisa pra pedreiro.

antes um cara sem instrução nenhuma levantava uma casa, passava os fios e os canos, assentava piso e pintava.

hoje são todos especialistas. tipo na medicina onde o clinico geral é avis rara.

na obra tem o empreiteiro, tem o pedreiro, tem o auxiliar de pedreiro; e tem o auxiliar do auxiliar aquele tipinho que só anda em circulos e fala no celular.

voce propoe um trabalho e não vê aquilo se concretizar pois o especialista na área não reinvindica pra si a tarefa.

como o espelho do banheiro da empregada.

alí é o unico lugar que tem espelho e armário pois eu comprei um bem bonitinho da Bumi.

o armário tá lá.

mas quem coloca o espelho?

o pedreiro disse que não é ele, é o encanador, que sabe onde passa os canos, que pode furar etc…

o azulejista disse que coloca se eu quiser, mas ali quem tem que fazer o serviço é o eletricista, pois tem a luminária.

o eletricista que fez um buraco redondo de uns 12 cm de diametro, para a luminária que fica acima do espelho disse que é o azulejista.

o encanador viu que o tamanho do buraco é maior que a luminária e disse que o azulejista tem que trocar aquele revestimento, pois vai ficar  feio.

o espelho se encontra encostado na parede desde que o armário foi fixado.

vou convocar os especialistas da área e jogar a criança no colo deles!

Sobre Lilian

mulher, mãe e esposa, workaholic; uma inconformada com a situação mundial; uma pessoa que ama cães, caminhar, ir a liquidações, comer jujubas; viciada em seriados americanos; prendada mas sem tempo de colocar em pratica suas habilidades; desprovida de inveja e más intenções; uma pessoa que adora joaninhas, pink, flores, romantismo, craft, musica; um pé no presente, um no passado, a cabeça no futuro; uma pessoa nada facil; que tenta se livrar do saco de ossos de vidas passadas, que vive o agora; que esqueceu o que não devia e lembra o que não quer; uma pessoa na versão enciclopédica 2.0 que não pode ser resumida.
Esse post foi publicado em Considerações sobre o NADA, descendo a lenha. Bookmark o link permanente.

9 respostas para sobre áreas que são território de ninguem, terra do nada, onde a poeira assenta e ninguem reinvindica posse

  1. Emília disse:

    Ah amiga, tá com um jeitão de “história” do Jeca Tatu ou o estereótipo do funcionário público que sempre diz: é no guichê ao lado… Agora é a época de dar as caixinhas pro…carteiro, lixeiro, gari, entregador da revista(que o ano todo joga a revista portão prá dentro e nas proximidades do Natal toca nossa campainha ). Outro dia passaram os garis que varrem a rua, falei sobre uma determinada limpeza que precisava ser feita na rua(coisa rápida), aí o gari me respondeu isso não é com a gente tem que ligar para o número tal. E aí? Falta de iniciativa aliada a preguiiiiiiiiça!!!!

  2. Emilli Sousa disse:

    Ai, ai, ai Lilly…
    Eu só suspiro quando vejo esses posts de insatisfação com os colaboradores da obra…
    Eeeeeeeeeiiiiiiiiiiiiiiiiiii…pára tuddooooooo…
    Acabei de criar meu próprio blogggggg….
    Tô tão feliz….isso tudo graças a vc viu….”Minha inspiração”….
    Só fiz uma postagem pra não deixar em branco…mas com a correria aqui no trabalho ainda não conseguir dar a minha cara pro danado….
    Bom, o primeiro passo já foi dado…agora é deixar rolarr…
    Já estou te seguindo, o nome é “Tô pra ver”, iuhiuhiuhiuhi….
    Falo isso sempreee e meus amigos acharam uma boa ideia…
    bjus e aguardo sua visitaa..

  3. Que raivaaaaaaa….uns dois anos atrás eu estava envolvida com a reforma do apartamento que compramos, este onde moramos hoje. Olha, também passamos cada raivaaaaaa…deu vontade de enfiar todo mundo dentro do meu legendário liquidificador gigante imaginário e botar essa ficcional máquina na velocidade máxima ainda por cima…onde jogar o conteúdo após o processo trituratório? Nem sei, menina….no mar não porque senão envenena os peixes….se largar no meio do mato, também é capaz de matar algum bicho…ah, sei lá….

    Vixi, tô atacada hoje, eheheh…

    Ninguém merece!!!!!

    Cada dia mais me convenço: o ideal é a gente se virar pra fazer tudo o que for possível….pena que não entendo de eletricidade, canos, azulejos e etc…mas bem que dá vontade de fazer um curso, viu.

    Eu tô querendo finalmente montar meu home office bonitinho aqui no apê…por enquanto trabalho no quarto de visitas/oficina de artesanato, mas gostaria de sair daqui e arrumar o quartinho que fica ao lado da área de serviço que é pequeno mas, com jeito, cabem meus livros, meu computador, etc, lá.

    Lilly, tomara que já esteja curtindo bem tua nova casa, viu. Você merece! Beijo grande!

    Sil
    esquinadasil.blogspot.com

  4. Marcia disse:

    Eu odeio estas “terras de ninguem”…Mas na hora de receber sempre se acha o “pai da criança”, principalmente se o serviço foi bem feito… Ai eles costumam dizer que se nao fosse o serviço deles, o do outro nao ficaria bom…ô raça!!

  5. kelly disse:

    kkkkk junte todos e faça um reunião, não é assim que se resolvem problemas no nosso trabalho. Se bem que resolver não resolve né…rsrsrsrsr
    beijos

  6. Le disse:

    Ihh que má vontade desse pessoal. Vai ver dinheiro tá dando em árvore na casa deles.
    A verdade é uma só, querem arrumar “trabalho”, mas não querem serviço.

  7. Bruna D. disse:

    Nossa, acho que já vi isso em algum lugar rsrsrsrs
    Mas o lance é o seguinte, quando surge um que faz-tudo, ele rouba o emprego de todos estes… É fogo isso né!

    Bjs
    Bruna
    comprandomeuape.blogspot.com

  8. lucia klein disse:

    oi Lily – adorei teu blog menina
    e adorei receber teu coents lá no bloguito – obrigado pelas palavras carinhosas-
    achei falta do gadget de seguidores – porque comcerteza te seguiria
    bj
    lu

  9. GLEICY disse:

    AI LILLY ACONTECEU TANTO ISSO AQUI!
    E AINDA ACONTECE , VOCÊ ACREDITA QUE DESDE QUE MUDEI ESTAVA SEM OS SUPORTES PARA PENDURAR AS TOALHAS DE ROSTO?
    TANTO QUE CANSEI DE PEDIR E SÁBADO ENJOEI DE ESPERAR E METI A MÃO NA MASSA! PEGUEI A FURADEIRA E EU MESMA COLOQUEI, JÁ QUE SABIA ONDE PASSAVA OS CANOS E NÃO TINHA PERIGO DE FURAR.
    É MUITA MÁ VONTADE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s