terapia na …pia!!!

então estou aqui, fofis, umbigo na pia, note na bancada oposta, fazendo um monte de coisas ao mesmo tempo e postando! , mas toda alegrinha pois não sou a unica que consegue isso né?

já fiz salsicha com molho pra amanhã, estou cozinhando batatas para um purê, recauchutei o arroz de hoje que ficou meio sem sal fazendo um pouco mais e salgando, aí misturo os dois e corro pro abraço. o feijão está pronto ( fiz igual a rosangela).

salsichas…taí uma coisa que eu não gosto de fazer, pois segundo aquele velho ditado ingles, “ninguem sabe como são feitas as leis e as salsichas”…mas como agora sou uma “desperate housewive“, salsicha é uma das coisas mais fáceis que se pode inventar de uma hora pra outra.

enquanto as batatas cozinham eu já guardei (sem passar) todas as toalhas de banho que lavei (13!!), e estou separando mais peças para guardar (sem passar tambem!!!).

eu hein??? passar roupa é atraso de vida (segundo a filosofa Camila Schmidt, do blog Cá e a Casa).

mas eu vou dar uma desamassada numas pecinhas tambem.

a rosecreide tá batendo roupa que é uma beleza, e os panos de chão tambem estão limpinhos, no varal.

vai chover, mas e daí? ficarão molhados, mas lim-pi-nhos.

amanhã a moça vem de novo e querem saber?

minha casa está super limpa e arrumada! na sexta ela veio e foi embora quase 7 da noite!

quando saiu ainda me disse: sábado e domingo voce nem precisa limpar OK??

então tá uai! se ela mandou ( eu sou obediente).

eu estava arrepiada em pensar como seria minha semana agora que a cunha foi embora ( todo dia ela fazia almocinho diliça…engordei…),mas resolvi levar um dia de cada vez.

então ontem a noite fiz um arroz e feijão honestos e hoje eu passei num supermercado, peguei uns filés de frango a milanesa, cheguei em casa fiz um saladão e pronto. ninguem morreu!

aliás eu estava contando agora pra Marcinha ( eu quero o simples) que minha mãe anda tão preocupada comigo que me olha com a mesma cara que me olhou quando eu saí da sala de parto: uma mistura de dó e seiláoque.

eu já expliquei a ela que eu quero sentir a sensação de não ter gente aqui todo dia, me enchendo o saco, a paciencia e os picuás.

e todo mundo que eu conheço está fazendo o mesmo.

se daqui a alguns meses eu achar que não estou aguentando o tranco, procuro uma empregada.

por enquanto tá otimo, e eu me sinto cuidando do que é meu…uma coisa que eu deixei em segundo plano nos ultimos anos.

bem, como diz aquele comercial antigo…a vida de dona de casa até é legal…mas o que estraga as unhas…

Anúncios

Sobre coisadelilly

mulher, mãe e esposa, workaholic; uma inconformada com a situação mundial; uma pessoa que ama cães, caminhar, ir a liquidações, comer jujubas; viciada em seriados americanos; prendada mas sem tempo de colocar em pratica suas habilidades; desprovida de inveja e más intenções; uma pessoa que adora joaninhas, pink, flores, romantismo, craft, musica; um pé no presente, um no passado, a cabeça no futuro; uma pessoa nada facil; que tenta se livrar do saco de ossos de vidas passadas, que vive o agora; que esqueceu o que não devia e lembra o que não quer; uma pessoa na versão enciclopédica 2.0 que não pode ser resumida.
Esse post foi publicado em encarnando a Zefa. Bookmark o link permanente.

7 respostas para terapia na …pia!!!

  1. Andressa disse:

    Luvas de borracha são minhas companheiras de vida.

    é a treva, mas… minhas unhas em 1° lugar!

    Bjks

  2. Estou recebendo seus feeds heeeeeeeeeeeeeeeeeeeee, agora vejo tudo por e-mail, é ótimo …. eu tb não vou muito com a cara das salsichas, mas que são prática são kkk.
    Estou sem faxineira ainda, mas nem ligo, cada dia pego um cômodo e que se vire o resto …. estou tb sem micro em casa, até amanhã só, deu pau … então vejo meus e-mail daqui dessa espelunca mesmo, eles ainda não me demitiram, …… estou lendo um livrinho de 1000 páginas, afff a história é linda, mas não consigo acabar nunca …. Mundo sem fim – Ken Follett, está bárbaro …..
    queridona, até seu próximo post.
    Beijokas abóboras

  3. paulo disse:

    Lava louça, roupa, chão…todo dia, que agonia…
    No começo é bom, depois “enche”

    Belo texto, esclarecedor…

  4. Drinha disse:

    Sabe Lilly,

    Salsichas são práticas, mas eu ainda prefiro comer uma boa salada… detesto salsichas!!!!
    Passar roupas, ninguém mereçe!!!! Eu simplesmente odeio!!!! Pago pra uma pessoa passar!!!!
    Qto as unhas, não tem jeito né, melhor usar luvas!!!!

    Ah, Gostei muito da sua visitinha no meu blog, já estava me sentindo solitária… rsrsrsr

    beijos

  5. Aninha disse:

    Embora o serviço do lar seja exaustivo, precisamos fazer, assim como nos alimentarmos, nos embelezarmos, etc. Eu encaro como uma atividade como as outras. É uma maneira de não sofrer tanto. O importante é o resultado final. É o que eu penso.
    Beijoca.

  6. Silvana disse:

    Te admiro, Lilly! Um grande abraço pra ti, pouco a pouco estou voltando à carga e vencendo a preguiça de escrever 🙂
    Ainda te mando uma receitinha rápida, prometo que vou pensar 🙂 A do frango com coca-cola você já conhece?

    Beijão!

    Sil

  7. Selma disse:

    Eita vida dificil !!! Mas é tão bom, to vendo que esta se virando bem!
    Salcichas quebram um galho, mas é melhor nem pensar do que é feita….
    Aprendi a fazer strognofre de salcichas, e não é que fica bom menina!!!
    Uma vez por mês da pra encarar, hahahahah
    To feliz, por que vc não esta mais estressa com a reforma, vc esta mais relaxada(apesar da vida de dona de casa ) O importante é ser feliz!!
    Bjks !!
    ( a casinha ta quase pronta)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s